terça-feira, 23 de março de 2010

1º encontro de estudos sobre tecnologia, ciência e gestão da informação - 12, 13 e 14 de abril de 2010

O Evento

Em 24 de Abril de 2008, a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) recebeu a autorização de funcionamento e criação do curso de Gestão da Informação, através da Resolução nº 07/2008 do Conselho Coordenador de Ensino, Pesquisa e Extensão (CCEPE). Ainda em 2008 foi realizado o primeiro vestibular para ingresso de alunos no referido curso, sendo oferecidas 70 vagas, das quais, 35 no primeiro semestre de 2009 e outras 35 no segundo semestre.

Em 2010, o curso de Gestão da Informação completa 2 anos de criação e 1 ano de funcionamento, sendo um dos novos cursos da UFPE que tiveram sua procura aumentada, obtendo uma elevação de concorrência em seu segundo vestibular.

Objetivando o estreitamento tanto das relações acadêmicas (com incentivo e aprofundamento de estudos e pesquisas sobre Gestão da Informação e sua ligação com outras disciplinas e áreas do conhecimento) quanto das mercadológicas (pelas necessidades do mercado regional e possibilidades de atuação profissional), foi estabelecida a realização do Encontro de Estudos sobre Tecnologia, Ciência e Gestão da Informação (ENEGI).

O ENEGI terá sua primeira edição nos dias 12, 13 e 14 de Abril de 2010, no Campus Recife da UFPE. A sua realização vem de um trabalho conjunto entre o Departamento de Ciência da Informação (DCI), que inclui a Coordenação do Curso de Gestão da Informação e a Coordenação de Pesquisas em Gestão da Informação, e todos os alunos do curso, representados pelo Diretório Acadêmico de Gestão da Informação (DAGI).

É perceptível, assim, o trabalho integrado de professores e alunos do curso pela realização do evento e divulgação das possibilidades da Gestão da Informação para o desenvolvimento e competitividade do mercado da Região Metropolitana do Recife, como também de todo o Pernambuco.

Clique aqui para ver a programação do encontro.

fonte: http://www.enegi.org/index.php

sábado, 20 de março de 2010

Google TV

Parceria entre Google, Intel e Sony para criação de aparelho que combina TV e internet surpreende mercado, mas levanta mais dúvidas que certezas.

O Google, a Intel e a Sony formaram um consórcio para produzir uma plataforma de conteúdo web para a sala de estar. O resultado?  Google TV. A nova plataforma se materializará como set-top box ou como um recurso de TVs com conexão à internet; funcionará com o sistema móvel do Google, o Android; e incluirá uma versão do navegador Chrome para uso em aplicações como Twitter ou Picasa, informou em 17/3 o The New York Times.

A ideia por trás da Google TV, afirma o jornal, é alimentá-lo com aplicações como as dos smartphones, que tornem o uso da web na TV tão fácil quanto mudar de canal. O Google espera encorajar desenvolvedores a criar apps para a Google TV da mesma forma que tem feito com o smartphone Android.

Dentro de alguns meses o Google vai fornecer um kit de desenvolvimento para a Google TV, e o jornal diz que as primeiras aplicações surgirão já em meados de julho. Não está claro como essas aplicações serão distribuídas, mas provavelmente o Google vai oferecer algum tipo de loja online – como a que existe para os smartphones com Android.

O domínio da sala de estar é tido como o Santo Graal das empresas de tecnologia. Há muitas set-top boxes no mercado que oferecem vídeo streaming do YouTube, acesso a filmes  alugados via download e navegação na web – os três principais consoles de jogos (Xbox 360, PlayStation 3 e Wii) são provas disso, bem como os gravadores digitais da TiVo, o Apple TV e o set-top box Roku.

Nenhum desses produtos, no entanto, conseguiu conquistar uma base de usuários grande o suficiente para ser declarado o rei da sala de estar, capaz de exibir conteúdo online e físico, como DVDs, em um só lugar. Será que o Google é capaz de se dar melhor que seus concorrentes, e dominar os lares com a Google TV? Talvez. Mas, antes de isso acontecer, será preciso encontrar respostas a algumas questões – e elas não param de surgir.

1. O que é afinal a Google TV: uma plataforma ou um produto?
Como o Google virou parceiro da Sony, é razoável assumir que os primeiros set-top boxes e as primeiras TVs virão com a marca Sony. Mas não é do estilo do Google amarrar-se a um único fabricante. Quanto tempo levará até que outra empresa inclua o Google TV em seus produtos? A Google TV será exclusiva dos produtos da Sony, ou veremos o recurso em outros fabricantes, como LG, Samsung e Panasonic?

2. Navegação na web pela TV funciona?
Set-top boxes que jogam videogames, exibem vídeos, apresentam fotos e tocam música são grandes ideias, mas e o resto da web? O fato é que as pessoas costumam visitar blogs, redes sociais e novos sites, todos com uma boa dose de texto.

Mas é costume sentar-se a pelo menos um metro e meio da TV da sala, o que tornará qualquer leitura desconfortável. Qual é a probabilidade de as pessoas usarem a TV para tuitar ou trocar mensagens instantâneas? Há muitas tentativas fracassadas de levar a web para a sala de estar, e uma das principais razões dessas falhas é que há algo de artificial em navegar na web numa tela distante quase dois metros de seus olhos.

Uma solução possível seria tornar seu Nexus One, iPhone ou mesmo iPad em uma tela remota. Imagine visitar uma página em seu dispositivo móvel  e vê-la exposta na tela da TV. Dessa forma seria possível ler uma notícia no dispositivo móvel e assistir ao vídeo que a acompanha na tela grande. Isso sim seria uma combinação de matar.

3. Haverá Netflix?
Aparelhos compatíveis com o sistema de aluguel de vídeos online Netflix são um grande sucesso. Já é possível comprar (nos EUA) TVs e set-top boxes com acesso ao Netflix produzidos por grandes marcas, como LG, Panasonic, Sony, Samsung e Vizio. E o Android, também vai oferecer este serviço? O Netflix até poderia produzir sua própria aplicação para a Google TV com o kit de programação que será liberado. Mas talvez a empresa prefira uma integração mais sólida e não ser mais uma aplicação entre tantas outras que deverão compor o mercado de apps para a Google TV.

4. A Google TV terá Bluetooth?
Google, Sony e Intel afirmaram ter combinado com a Logitech a produção de periféricos para a Google TV, tais como um controle remoto e um pequeno teclado. Não está claro como os aparelhos da Logitech vão se conectar com o set-top box, mas Bluetooth parece fazer mais sentido. Se for esse o caso, resta perguntar: poderemos usar teclados Bluetooth padrão (ou mesmo um mouse) com a Google TV, ou a nova plataforma só funcionará com aparelhos da Logitech?

5. Como vai funcionar a publicidade na Google TV?
O New York Times informa que a principal motivação do desenvolvimento da Google TV é “assesugar que seus... sistemas de busca e publicidade tenham um papel central”. Será que isso significa que só veremos a publicidade tradicional do Google do jeito que ela aparece na web? Ou os anúncios serão entregues às aplicações da Google TV, possivelmente até durante a navegação na web? Veremos, por exemplo, anúncios do Google debaixo dos vídeos do Hulu ou do site do New York Times? Já existe muita invasão publicitária, tanto na televisão como na web. O Google TV vai melhorar ou piorar essa situação?

Essas são apenas algumas das questões que podem ser levantadas. O que você pensa de ter o Google em sua sala de estar? Será que dessa vez dará certo? Ou o Google TV será mais um da longa lista de experiências que tentaram levar a web para a televisão?



fonte: http://idgnow.uol.com.br/computacao_pessoal/2010/03/19/google-tv-5-perguntas-sobre-a-plataforma-web-para-a-sala-de-estar/

quarta-feira, 17 de março de 2010

Faça parte da Tim AppShop

 DESENVOLVEDORES TIM APPSHOP



Confira todos os benefícios de ser um desenvolvedor TIM AppShop!

Desenvolvedores TIM AppShop
Visando o aumento da participação do serviço de dados, o desenvolvimento dos conceitos de convergência e conectividade e a ampliação do valor do aparelho, do serviço e da marca, a TIM estabeleceu uma parceria* com a Qualcomm e desenvolveu a TIM AppShop.

Se você é um desenvolvedor de aplicativos, envie um e-mail para premierpublisher@qualcomm.com e obtenha as informações necessárias para inserir seus aplicativos na mais completa loja de aplicativos do mercado.

Ou, se você preferir, acesse o endereço http://plaza.qualcomm.com/retail/pt/publishers.html para mais informações.

Vantagens de fazer parte da TIM AppShop

Ao associar-se a TIM AppShop você, desenvolvedor, tem acesso a um canal de distribuição com potencial de atingir toda a nossa base de mais de 40 milhões de clientes.

Além disso, você conta com toda a infra-estrutura da TIM para auxiliar a sua oferta:
• Ter o celular como vitrine e market place: alcance de milhares de brasileiros, diferentes nichos e perfis de consumo.
• Tirar proveito da forte divulgação da TIM sobre a loja de aplicativos.
• Contar com billing integrado fornecido pela TIM, facilitando a cobrança de licenças/assinatura de aplicativos e eliminando o risco de inadimplência.
• Uso direto da central de relacionamento com o cliente da TIM, para tratamento de questões de cobrança e atendimento ao cliente como um todo.
• Oportunidade de desenvolver de aplicativos para multi-plataformas, como Windows Mobile, Android, Symbian, Java e muito mais, sempre focando em user experience e interatividade com os aparelhos
A TIM oferecerá ainda, para os aplicativos que mais se destacarem em inovação e exclusividade, a oportunidade de tornar-se uma aplicação branded TIM, ou seja, uma aplicação que levará o nome TIM e será comercializada direto por nós. Estes aplicativos poderão ainda ser pré-embarcados nos aparelhos comercializados por nós, aumentando ainda mais o estímulo ao uso do mesmo.

Aproveite essas vantagens que só a TIM AppShop pode oferecer!

Silverlight to Symbian S60

Recebi esse email e decide compartilhar aqui com vocês:
 


slYesterday morning I came across news of Microsoft's Silverlight Beta being available for Symbian^1 devices, S60 5th Edition, giving developers the required tools to create applications for Symbian^1, bringing Microsoft desktop applications to your mobile device.
Silverlight, a cross-browser, cross-platform implementation of the .NET Framework for building media experiences and rich interactive applications for the Web on desktop computers, is also available for Nokia S60 5th Edition devices such as Nokia 5800 XpressMusic, Nokia N97 and Nokia N97 Mini.
sl
Silverlight includes a runtime that is optimized to display content on memory-constrained devices. Silverlight support for Nokia S60 5th Edition devices includes:
  • The ability to view Silverlight applications in the mobile browser.
  • Tools to build Silverlight applications that target devices.
You can create Silverlight-based applications for devices by using Expression Blend 2 (free trial version), Visual Web Developer 2008 Express with SP1, or Visual Studio 2008 SP1 with Silverlight Tools for Visual Studio 2008 SP1. Application deployment on IIS is supported in this release.
Now before rushing out and trying to install anything on your S60 5th Edition Nokia device, its highly recommended that you first take a look at the following Guides, "Getting Started with Silverlight for Symbian", and "Silverlight for Symbian Platform Reference".

 
 

Things you can do from here:

 
 

domingo, 14 de março de 2010

Vagas de Empregos e Estágios na Oniria

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Vagas de empregos e estágios disponíveis na Oniria

Conforme o contato inicial, encaminho as vagas de emprego e estágios disponíveis na empresa. 

Desenvolvedor (Orientação a Objeto)

Descrição: Profissional para trabalhar com programação de sistemas web, corporativo e banco de dados.
Requisitos: Conhecimento de linguagem orientada a objetos, banco de dados relacional, ambiente web.
Desejável: Experiência com a linguagem Java (J2EE/J2ME), conhecimento em JSF, conhecimento em Spring Framework

Analista de Sistema

Descrição: Profissional responsável pelo levantamento de requisito com o cliente, modelagem de sistemas corporativos e acompanhamento de implantação de sistemas corporativos.
Requisitos: Conhecimento de padrões de arquitetura de software, facilidade em comunicação, UML.
Desejável: Conhecimento de Regras de Negócio, conhecimento de Gerenciamento de Projeto (Scrum, PMBOK), conhecimento em FDD.

Programador para Games 3D

Descrição: Profissional que irá trabalhar na programação de jogos e simulações 3D utilizando linguagem de script apropriada a cada engine 3D.
Requisitos: Conhecimentos de linguagens estruturadas de programação, estrutura de dados, trigonometria.
Desejável: Experiência na programação de algum game ou mod, experiência de programação em alguma engine, desenvolvimento de componentes externos (DLLs), experiência em C/C++ e C# ou Javascript, conhecimentos em Unity3D.

Gerente de Programação para Games 3D

Descrição: Profissional que irá trabalhar na programação de jogos e simulações 3D utilizando linguagem de script apropriada a cada engine 3D. Irá também orientar equipe de programadores e ajudar a definir e controlar o escopo dos projetos. Servirá também como ponte entre a equipe de artistas e sua equipe de programadores (juntamente com o gerente de arte)
Requisitos: Conhecimentos de linguagens estruturadas de programação, estrutura de dados, trigonometria, experiência na programação em game engines envolvendo rendering, rede, física e shaders. Desenvolvimento de componentes externos (DLLs), experiência com C/C++ e C# ou JavaScript. Conhecimentos técnicos sobre modelagem 3D, exportação e importação de assets de arte para fins de interface com artistas.
Desejável: Experiência em Unity3D, experiência na gerencia de uma equipe de programadores.

PROGRAMA DE ESTÁGIO ONIRIA: OPORTUNIDADES ABERTAS PARA BOLSISTAS GRADUADOS, MESTRES (2 anos de experiência), MESTRES (5 anos de experiência).

Descrição: Profissional irá trabalhar na programação de jogos e simulações 3D utilizando linguagem de script apropriada a cada engine 3D.
Requisitos: Conhecimentos de linguagens estruturadas de programação, estrutura de dados, trigonometria. Desejável experiência em projetos de desenvolvimento em tecnologia de simulação e Games.
Desejável: Experiência na programação de algum game ou mod, experiência de programação em alguma engine, desenvolvimento de componentes externos (DLLs), experiência em C/C++ e C# ou Javascript, conhecimentos em Unity3D.
Se informe no telefone: (043) 3344-1112 ou mande seu currículo diretamente para nosso e-mail contato@oniria.com.br
















© 2010 Oniria Softwares. Todos os direitos reservados

sexta-feira, 12 de março de 2010

Comitiva do Google em Pernambuco procurando estudantes


Entre os próximos dias 17 a 19, uma comitiva de engenheiros do Google Brasil, sediado em Belo Horizonte (MG), visita Pernambuco para conhecer e selecionar estudantes locais do setor de tecnologia da informação e comunicação (TIC). O encontro, chamado de Google Developer Day, será realizado no Centro de Informática da Universidade Federal de Pernambuco (CIn/UFPE ).

Além da seleção, o Google promove na sexta, dia 19, às 16h, no anfiteatro do CIn, a palestra  “Qualidade de busca na web e seus desafios”, que será ministrada pelo engenheiro de software e mestre em ciência da computação Hugo Santana, ex-aluno do CIn. Na ocasião, será apresentada a visão da companhia com relação aos sistemas de buscas virtuais, além de problemas e soluções reais enfrentadas na rede mundial. A entrada é franca.

Os alunos do mestrado e de doutorado na área que desejarem se candidatar a uma vaga no Google podem enviar seus currículos, em inglês, para brianz@google.com.


fonte: http://expoidea.com.br/blog/comitiva-do-google-seleciona-talentos-no-recife/

quinta-feira, 11 de março de 2010

Oportunidade de trabalho no C.E.S.A.R

O C.E.S.A.R é um dos principais provedores de soluções de Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) do mercado brasileiro; instituto de inovação ganhador dos Prêmios Empresas Mais Inovadoras (2009) e Info200 de Melhor empresa de serviços de software (2005) e do prêmio FINEP de mais inovadora instituição de pesquisa do Brasil (2004), além de ser CMMI3 em seu processo de software.

Além disso, o C.E.S.A.R também se capacita a gerar novos empreendimentos de TICs em associação com investidores financeiros e estratégicos, criando oportunidades concretas de criação de novos negócios para todos os seus colaboradores.

Bibliotecário – Recife (01 vaga)

Requisitos:

- Superior Completo em Biblioteconomia;

Principais responsabilidades:

- Planejar, implantar, coordenar e controlar o sistema de gestão da biblioteca;
- Conceituar e conhecer princípios, processos e técnicas que permitem analisar e desenvolver soluções para os problemas unitários ou sistemáticos na área de Biblioteconomia, possibilitando a formulação da política, do planejamento, implantação e controle dos serviços da Biblioteca.
- Realizar projetos relativos a estrutura de normatização de coleta, do tratamento e da recuperação das informações documentárias;
- Estruturar e efetivar a normatização e padronização dos procedimentos da biblioteca;
- Executar trabalhos relativos às atividades biblioteconômicas, desenvolvendo um sistema de catalogação, classificação, referência e conservação do acervo bibliográfico;
- Responsável pelo armazenamento e recuperação de informações de caráter geral ou específico;
- Colocar as informações da biblioteca à disposição dos usuários;
- Controlar o empréstimo dos livros;
- Executa outras tarefas correlatas que lhe forem atribuídas pelo superior imediato.

Cadastre-se no Banco de Currículos do C.E.S.A.R e envie um e-mail para curriculo@cesar.org.br informando o título desta vaga até 12/03/2010 (sexta-feira).

Engenheiro de Sistemas – Recife (01 vaga)

Requisitos:

- Superior Completo em Ciência da Computação, Engenharia ou Áreas Afins;
- Conhecimento em JAVA (J2ME E J2SE)
- Inglês intermediário (leitura e escrita).

Principais responsabilidades:

- Desenvolvimento de aplicativos Java
- Implementar sistemas utilizando linguagens / tecnologias adotadas pela organização
- Implementar e executar testes unitários
- Automatizar casos de testes, de acordo com as necessidades do projeto
- Realizar inspeções e revisões de documentos e códigos gerados por pares

Cadastre-se no Banco de Currículos do C.E.S.A.R e envie um e-mail para curriculo@cesar.org.br informando o título desta vaga até 12/03/2010 (sexta-feira).


fonte: http://www.cesar.org.br/trabalhe-no-cesar/

quarta-feira, 3 de março de 2010

Workshop: Segurança e otimização de performance em web sites

Irá ocorrer um workshop em Recife, na faculdade Marista, no dia 13 de Março de 2010 iniciando às 8h e concluindo às 17h. Uma parceria entre a R8 Tecnologia e a Faculdade Marista.

O valor da inscrição custa R$ 50,00, mas para quem é aluno da faculdade terá um desconto de R$15,00.

Abaixo alguns pontos que serão discutidos na palestra,

Segurança:
  • XSS (Cross site scripting)
  • SQL Injection
  • Code injection
  • XSRF (Cross site request forgery)
  • Session Hijacking
  • Directory traversal
Performance
  • Na segunda parte do workshop, serão apresentadas técnicas de otimização de performance de back-end (lado servidor):
  • Tuning do Apache e PHP
  • Tuning do MySQL (estruturação de tabelas, índices e engines)
  • Caching
E de front-end (lado cliente):
  • Ferramentas de auxílio a otimização (Firebug, YSlow, Page Speed)
  • Caching a nível de browser
  • Estruturação de arquivos ((X)HTML, CSS, JavaScript)
O instrutor:
Felipe Ribeiro é graduado em Ciência da Computação pela UFCG e engenheiro certificado em PHP5 pela Zend.

Para saber mais detalhes do workshop visite o site: http://www.r8tecnologia.com.br/workshop/ ou clique aqui.